Ticket médio: o que é, como calcular e dicas para aumentar

Você sabe o que é ticket médio? Quando falamos em atendimento, venda de produtos e prestação de serviços, sem dúvidas, essa é uma das métricas mais importantes que temos. E, como toda métrica, o ticket médio deve ser acompanhado constantemente.

O acompanhamento adequado das métricas da sua empresa é essencial para que se tenha um real entendimento de quais resultados o seu negócio está apresentando.

Sem as métricas e a posterior análise das mesmas, seria impossível dizer, com precisão, quais são os pontos de melhoria no serviço que tem sido oferecido.

Assim, sem ter indicadores demonstrativos, você pode ter clientes insatisfeitos com o produto, com o serviço, até mesmo com o tratamento oferecido e nunca saber desse dado.

Não fazer o acompanhamento das métricas da sua empresa é um grande erro: você não saberá, ao certo, se o seu negócio está conseguindo alcançar os objetivos e metas que foram traçados.

Nesse sentido, o ticket médio atua como um importante indicador do seu empreendimento, além de auxiliar na tomada de decisões e definição de novas estratégias de mercado.

Se você não sabe com certeza o que é ticket médio, não se preocupe. Aqui, iremos falar sobre esse conceito, explicar como o ticket médio deve ser calculado e como o seu valor pode ser aumentado.

Continue a leitura!

O que é ticket médio?

O ticket médio é muito falado em ambientes de negócio nos quais empreendedores procuram novas formas de fazer com que o seu produto ou serviço seja cada vez mais valorizado. Mas afinal, o que é ticket médio?

O ticket médio corresponde ao valor médio que cada cliente seu investe naquilo que você oferece dentro da sua empresa.

Não importa em qual ramo do mercado você atua: seja na prestação de serviços, na venda de mercadorias, em um espaço físico ou virtual. O ticket médio sempre poderá ser um indicador do seu negócio.

Essa métrica irá mostrar a você qual tem sido o valor médio que os seus clientes estão gastando dentro da sua empresa. Dessa forma, você poderá saber se o seu público está desprendendo uma boa quantia nos seus produtos/serviços ou não.

Vendas Sistema de Help Desk

Através do ticket médio, você pode avaliar as ações que a sua empresa está tomando e como o mercado está reagindo a elas.

Será que o seu público está aderindo à ideia agregada ao que você está oferecendo? Será que o valor de venda está elevado em relação ao que os seus clientes estão dispostos a pagar?

O ticket médio será um norteador para todas essas questões. A análise de seu resultado irá responder a essas e muitas outras perguntas com as quais nos deparamos ao administrar uma empresa.

Viu? Não tem mistério. O ticket médio é o cálculo encontrado do valor médio que cada um dos seus clientes gasta no seu empreendimento.

Logo a seguir, iremos mostrar como calcular o seu ticket médio e, assim, o entendimento desta métrica será bem mais facilitado.

Aprenda a calcular o seu ticket médio

Nesse momento, iremos ensinar a você como calcular o ticket médio do seu empreendimento. Você verá que, assim como o conceito dessa métrica, o seu cálculo não é nada complicado.

Esse é mais um motivo que faz essa métrica ser tão simples e eficaz e, por isso, você não pode deixar de utilizá-la dentro do seu negócio.

Existem duas maneiras de calcular o ticket médio da sua empresa:

  1. Ticket médio = faturamento bruto da empresa em R$ / volume de vendas
  2. Ticket médio = total de vendas em R$ / número de clientes

A segunda forma de calcular o ticket médio é a mais usual.

Vamos pensar em um exemplo mais prático para que você entenda ainda melhor como calcular o seu ticket médio.

Vamos supor que você teve um valor de vendas, no mês vigente, de R$ 25.000,00. Em contrapartida, esse valor foi o resultado das compras de 75 clientes.

Dessa forma, utilizando a segunda maneira de calcular o ticket médio, o valor do seu ticket médio será 25.000/75, ou seja, R$ 333,33.

Quando falamos nessa métrica, não podemos determinar um valor ideal de maneira negligente. O valor ideal de um ticket médio dependerá de qual tipo de atividade a sua empresa desempenha.

Logo, o ticket médio na faixa de R$ 333,33 pode ser um valor positivo ou negativo. Tudo irá depender do tipo de atividade exercida, do segmento no qual a empresa está inserida, dos objetivos e metas da mesma.

Dessa forma, para que você tenha consciência do seu ticket médio, se ele é bom ou não, é preciso conhecer o seu mercado e ter, com clareza, os seus objetivos definidos.

É comum uma empresa realizar o cálculo do seu ticket médio e não gostar do seu resultado encontrado. Para mudar esse cenário, a empresa, então, tentará aumentar o valor do seu ticket médio.

Mas como fazer isso? Essa é uma das grandes perguntas feitas por quem utiliza tal métrica e, hoje, nós iremos te mostrar algumas formas de fazer com o que o valor do seu ticket médio aumente.

8 formas de aumentar o seu ticket médio

Assim como a definição de um ticket médio ideal, a maneira pela qual você tentará aumentar esse valor dependerá de diferentes fatores, sendo o principal deles a sua realidade específica, o mercado com o qual você trabalha e o seu público.

Contudo, existem algumas atitudes que podem ser analisadas de maneira mais genérica, e são elas que iremos apresentar a você. Continue a leitura!

Faça uma precificação correta

Um erro comum e prejudicial para a um crescimento saudável de um negócio é a precificação incorreta.

Muitas vezes, com receio de não conseguir vender a preços altos, o empreendedor opta por reduzir o valor dos produtos e serviços.

No entanto, é muito comum que, nesse cenário, ele esqueça de analisar seu lucro e acabe comercializando suas soluções por valores muito abaixo do ideal.

Assim, se você quer aumentar o ticket médio da sua empresa, o primeiro passo é analisar se o preço praticado atualmente condiz com o valor e a transformação que o seu produto/serviço gera.

Caso não, é hora de mudar. Afinal, você não conseguirá aumentar o ticket médio se você sequer recebe o valor justo, visto que precifica abaixo do que deveria.

Agregue valor ao seu produto ou serviço

Agregar mais valor ao que você oferece aos clientes é um dos aspectos mais importantes quando falamos em ticket médio.

É necessário que você mostre ao cliente que aquilo que você está oferecendo é único. Ele precisa entender que o seu produto, ou serviço, é indispensável para ele.

DMS - Desk Academy

É necessário que o cliente acredite na qualidade do que está sendo oferecido e enxergue o seu serviço como a solução para o que ele precisa.

Vender uma solução é muito mais atrativo e, dessa forma, o cliente entenderá o valor do seu produto.

Quando o cliente enxerga valor no seu produto, dificilmente ele irá contestar o preço do mesmo. E, dessa forma, você aumentará o seu ticket médio com facilidade.

Ofereça diferentes possibilidades e seja mais flexível

Ser mais flexível com o seu serviço é uma prática que, com certeza, irá deixar o cliente mais satisfeito.

Em alguns momentos do nosso cotidiano, a flexibilidade é necessária. Seja na posição de cliente ou de empresa contratada.

Nesse sentido, caso o seu cliente solicite alguma alteração, até mesmo no seu portfólio, ou no processo de prestação de serviço, ou venda de um produto, considere essa solicitação. Não a descarte imediatamente.

Essa flexibilidade mostrará ao cliente que você, ou seja, a empresa, possui uma real preocupação com o que é melhor para ele. Como consequência, o cliente ficará muito mais satisfeito, aumentando a chance de se tornar um cliente fiel da sua marca.

Aproveite as oportunidades de mercado

Datas comemorativas e períodos sazonais não são bons apenas para a produção de conteúdo na web, mas também podem ser uma estratégia incrível para aumentar o ticket médio de um negócio.

Muitas vezes, sua empresa acaba deixando de ganhar mais dinheiro porque não se atenta às oportunidades do mercado, como o dia do cliente ou a Black Friday, por exemplo.

A depender do segmento da sua empresa, você pode apostar também nas datas comemorativas.

Se você possui uma loja de varejo que vende moda praia, por exemplo, os dias que antecedem o verão são uma boa oportunidade para divulgar seus produtos com preços especiais.

Para marcas de cosméticos naturais e orgânicos, que possuem uma grande relação com o meio ambiente e com a preservação da natureza, datas comemorativas que permeiam esses pilares são boas oportunidades.

Quer mais um exemplo? Chocolaterias e floriculturas podem encontrar em datas como Dia da Mulher, Dia das Mães e Dia dos Namorados grandes chances de aumentar o ticket médio.

É importante, porém, ao implementar essa estratégia, basear-se na coerência. Para a floricultura do nosso exemplo anterior, a Cyber Monday (uma espécie de Black Friday do setor da tecnologia) não possui nenhuma relação e, portanto, não é uma data estratégica.

Por outro lado, datas como Cyber Monday, Black Friday, dia do cliente e tantos outros são ótimas oportunidades para empresas B2B.

Planeje descontos e promoções atrativas

Associado às datas comemorativas e períodos mais estratégicos, as promoções e descontos são indispensáveis para que a campanha realmente funcione e colabore para um aumento do ticket médio.

Afinal, não adianta planejar toda uma ação para a Black Friday se, ao chegar no dia, o cliente perceber que não há nenhuma diferença em relação aos valores ou condição especial.

Para investir nessa estratégia, no entanto, é preciso que você saiba exatamente qual sua margem de lucro e o valor mínimo com o qual pode trabalhar, sem sair no prejuízo.

Só conhecendo profundamente os números do seu negócio você será capaz de investir em promoções e descontos de forma adequada e, de fato, aumentar o ticket médio.

Assim, se você identificou uma oportunidade de apostar em uma estratégia promocional, o próximo passo é garantir que sua empresa possui estoque o suficiente para atender toda a demanda que venha surgir durante essa ação especial.

Aplicativo Despesa

É bem possível que um cliente em potencial que está há algum tempo namorando seus produtos, se sinta encorajado a comprá-los ao se deparar com uma promoção em uma data especial.

Por isso, é fundamental que sua empresa esteja preparada para suprir a quantidade de pedidos.

Afinal, se seu objetivo é apenas acabar com o estoque e só tem cerca de 20 produtos restantes, não faz sentido criar uma campanha grande e investir em muita publicidade. Até porque rapidamente as unidades irão se esgotar e o restante dos clientes se sentirão frustrados.

Então, certifique-se de que há estoque o suficiente para comportar o volume de vendas previsto.

Talvez, porém, um desconto não seja positivo para a receita da sua empresa. Isso não significa, entretanto, que você não possa participar da data e ganhar algum lucro com ela.

Talvez você possa planejar uma condição especial, nunca oferecida anteriormente, que facilite a aquisição da sua solução, produto ou serviço.

Além disso, você também pode optar por colocar um item a mais na compra, ao invés de oferecer descontos. Por exemplo, um simples e útil brinde pode ser o suficiente para convencer algumas pessoas a comprar um produto.

Essas também são maneiras de fazer com que mais pessoas comprem da sua empresa, aumentando automaticamente o ticket médio.

Aumente sua gama de produtos e serviços

Outra dica para aumentar o ticket médio da sua empresa é investir em novos produtos ou serviços.

Essa é, inclusive, uma das formas mais eficientes e rápidas de atingir uma receita mais lucrativa, pois você apresenta uma maior variedade para o cliente, que pode acabar consumindo mais.

Essa estratégia é pensada para que, no momento da compra, o consumidor se interesse por outros produtos relacionados e acabe por comprá-los também.

Por exemplo, uma loja que vende produtos de maquiagem pode investir conjuntamente em cosméticos de cuidado com a pele.

Já uma academia, além de oferecer o serviço, pode criar catálogo de produtos que inclui desde acessórios para malhar até suplementos e alimentos fit, que também são do interesse do seu público-alvo.

Essa é uma estratégia muito interessante para se pensar, sobretudo se sua empresa ainda não possui uma variedade de produtos e serviços.

Para chegar ao mix ideal, pense no carro-chefe do seu negócio e levante possíveis produtos complementares e variantes que poderiam ser interessantes para o seu cliente.

Aposte na estratégia de pacotes e combos

Completando a estratégia acima, se você tem mais de um produto ou serviço sendo ofertado, existe outra oportunidade de fazer negócio com eles: os combos.

Você pode tanto oferecer os seus produtos individualmente, quanto em pacotes e combos, associado um ou mais produto por um único preço, incentivando o cliente a comprar mais.

Para isso, você pode utilizar as estratégias de cross-sell e up-sell, fazendo com que o consumidor consuma um produto associado à sua compra inicial, como um hidratante facial ao comprar uma maquiagem para pele, por exemplo.

Ou ainda fazer um upgrade em seu plano atual, como pagar um pouco mais para ter acesso a aulas coletivas, além da musculação, na academia do exemplo acima.

Seja qual for o caminho escolhido, certamente ele irá impactar positivamente no aumento do ticket médio.

Realize um bom atendimento

Pode parecer que o atendimento não tem relação alguma com ticket médio, mas essa relação existe e é bem importante.

A maneira como o cliente é atendido interfere diferentemente na percepção que o mesmo possui da sua empresa. Logo, interfere, também, na decisão que ele terá em comprar o que você oferece ou não.

Para falarmos em aumento do seu ticket médio, precisamos falar da satisfação dos clientes.

Os seus clientes encontram o que precisam quando procuram a sua empresa? Eles ficam de fato satisfeitos ou irão preferir comprar com o seu concorrente?

Buscar maneiras de aumentar o ticket médio é essencial para aumentar as vendas e, consequentemente, aumentar a margem de lucro do seu negócio.

E para que o aumento do ticket médio seja possível, uma premissa básica é oferecer um bom atendimento. Para te auxiliar nessa competência, nós temos um e-book completo que irá te ensinar os passos práticos para o bom gerenciamento de uma equipe de atendimento. Boa leitura!

Por Rafael Fialho Teixeira em 18/10/2021